Com essa onda tropical nos desfiles nacionais e internacionais, nada melhor do que se inspirar na diva Carmen Miranda, com um estilo único, peculiar e extravagante. O que pouca gente sabe é que ela mesma quem costurava suas roupas, ela se sentava em sua máquina pensando no que ela gostaria de usar e não seguia nenhuma tendência de moda “se as mulheres, depois, resolverem me copiar, tudo bem. Nada tenho contra, até gosto”.

A máquina de costura era como uma grande amiga. Bordava até de madrugada. “É uma verdadeira terapia. Acalma meus nervos. Se me sentar à máquina, já com um vestido bem bolado, sou a criatura mais feliz do mundo”, garantia, imagina se ela tivesse escolhido a carreira de designer em vez de cantora? Eu posso imaginar…

Carmen Miranda parecia que sempre estava adornada de jóias, mas na verdade ela preferia as bijoux, usava vários colares e pulseiras de materiais diferentes, uma verdadeira mistureba para a época, mesmo assim acabou virando tendência, o que uma personalidade forte faz com o comportamento das pessoas não é gente?

Sapatos plataformas foram criados pela primeira vez por Carmen Mirando, que era muito baixinha, ela sabia muito bem como se valorizar, usando certos artifícios como os saltos e os turbantes. Além das frutas outra marca registrada de Carmen são os tecidos de paête. Ela se inspirou nas roupas das baianas para criar as suas, as baianas com suas cestas na cabeça, criando assim uma marca brasileiríssima carregada de cor, sensualidade e alegria.
 
Anúncios